News

Japonês Voador tentará corrida de recuperação para tentar chegar ao vice-campeonato.

Back to full list


​Com os reservatórios de água operando no chamado "volume morto" desde o início do ano, chuva em São Paulo é sempre um fenômeno a ser comemorado. E neste sábado ela desabou em diversos pontos na cidade. Mas para os principais pilotos da Stock Car, ela não poderia ter aparecido em hora pior. Justamente no final da tomada classificatória da grande final da temporada, quando os primeiros colocados da tabela de classificação iam para a pista fazer a tomada de tempos.

Com a mudança climática, os nove primeiros do campeonato tiveram de fazer a tomada classificatória com pneus de chuva. Allam Khodair, quarto colocado na tabela, foi pole na última etapa da temporada, disputada em Tarumã. Agora, em Interlagos, sai na 28a colocação. "Estávamos embalados, largando sempre nas primeiras filas nas últimas etapas, essa chuva realmente levou nosso bom momento por água abaixo", brincou o dono do carro #100.

"Agora é apostar em uma corrida de recuperação, largar bem, fazer o máximo de pontos possíveis e acabar a corrida na frente dos pilotos que estão na minha frente na tabela de classificação. Não estamos na briga pelo título, mas ainda quero fechar a temporada com o vice e a pontuação aqui em Interlagos é dobrada", completou o piloto.

De fato as brigas mais interessantes do final de semana em Interlagos acontecerão no final do pelotão. É de lá que partem também os dois rivais na briga pelo título. Marcos Gomes sai em 27o. Cacá Bueno, único que pode tirar a taça das mãos do líder do campeonato, é o 26o do grid.

A grande final da Stock Car 2015, que será disputada em prova única de 40 minutos de duração, será transmitida ao vivo pela Rede Globo neste domingo, à partir das 10h.

Português Inglês Espanhol Espanhol